domingo, 15 de fevereiro de 2015

231 - Orquídea: Macradenia Multiflora

Comecei a me interessar pela Macradenia multiflora quando vi as postagens - sobre ela - feitas no blog da Bete Orquídeas (com postagens interessantes e fotos muito bonitas) sobre esta espécie.
“As pétalas e sépalas são marrom-avermelhadas margeadas de amarelo e o labelo é branco com máculas marrom-avermelhadas em direção à base. Costuma produzir mais de 20 flores, de 1 a 2 cm de diâmetro”.
“Deve ser cultivada no frio, embora possa tolerar uma temperatura um pouco mais elevada. Gosta de luminosidade moderada. Deve ser regada abundantemente durante o ano todo e não tem período de repouso no inverno. Desenvolve-se melhor quando colocada em placas ou cachepot de madeira o que lhes permite desenvolver livremente sua haste floral pendente”. 
“É originária do Brasil (Estados de Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Tocantins) em regiões montanhosas ou no Planalto Central. Este gênero possui cerca de 30 espécies distribuídas desde a América Central até América do Sul[i]”.
     
Observação endógena: a minha Macradenia multiflora está fixada numa placa de madeira, com certa quantidade de sphagnum a envolver algumas de suas raízes. Iniciou a primeira florada no mês de outubro de 2014, o que se traduziu numa grande surpresa, por causa do pouco tempo que estava sob meus cuidados. Foram 15 pequenas/belas flores que duraram pouco, isto é, apenas 10 dias, mas me garantiram um grande espetáculo (de primeira visão)!
 

[i] Disponível em: <http://www.delfinadearaujo.com/datacent/mdcor.htm> Acesso em jan. de 2014.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...