terça-feira, 13 de novembro de 2012

58 - Orquídea: Phalaenopsis pintalgado


“É um gênero natural das Filipinas, e considerada uma das mais belas e populares orquídeas, por isso é produzida e cultivada em longa escala pela indústria brasileira. Por isto mesmo, existe hoje um grande número de híbridos, fruto do cruzamento de espécies em cativeiro".
"A maioria delas é produzida a partir da geração de sementes e depois reproduzida no caule. Conhecida por se adaptar bem em apartamentos de centros urbanos, a Phalaenopsis é uma planta que precisa de rega a cada 7-15 dias, dependendo da época e tolera bem temperaturas mais elevadas. O cultivo ideal é em estufas quentes, precisando de muita sombra".
"Há dois tipos principais: o padrão e a miniatura: o primeiro pode chegar a 1 m de altura, enquanto o segundo chega a 30 cm. Ambas têm estrutura bem semelhante, diferindo apenas no tamanho. (...) Com os Phalaenopsis, de modo geral, é possível produzir centenas de híbridos a partir de plantas puras[1]". Há neste blog uma postagem anterior (e mais ampla) sobre o Phalaenopsis (variedade alba).



O exemplar visto quase na totalidade: Phalaenopsis pintalgado.
Uma porta para uma perfeição: Phalaenopsis pintalgado.

[1]  Disponível em: <www.orquideana.com.br>. Acesso em: jan. de 2007.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...